segunda-feira, 5 de julho de 2010

Em fuga


Eu queria saber o que a gente faz quando recebe o primeiro bilhete da filha dizendo, com suas próprias letras e palavras figurativas, "Oi, eu vou pra casa da Vovó".

Chamo os tiras? Dou de ombros e espero passar? Procuro saber se ela levou meu cartão de crédito na viagem? Bom, talvez tudo isso seja inútil, e o mais importante seja ter uma boa conversa e dar um colinho de consolo. Afinal, o motivo da fuga anunciada foi apenas um desentendimento bobo sobre brincar com água em cima da cama.

Mas uma coisa eu sei: que orgulho me dá conviver com essa garota tão rara e docemente rebelde...

PS.: Ela decidiu não ir ainda pra casa da Vovó e segue vivendo por aqui. Mas avisou que vai se mandar quando tiver 18 anos. Eu acredito que vá mesmo.

14 comentários:

Clá disse...

Amei o casa com q....

Flá, ja deixa ela bem avisada que vocês ainda terão muuuuuuuuitos desentendimentos bobos e feios hehehe e que muitas mais vezes ela vai querer is pra casa da vovó. ah e intera que tu semprwe vai ser a mae dela e sempre vai amar ela, nao importa o que aconteça ;)

mihuda disse...

Gente, Flá, essa Sabrina não existe!
Hahaha, que máximo!!!
Só ela mesma viu!
E te cuida que ela tá só começando!

Ana Lu disse...

hahaha, deve ter sido uma cena muito engraçada!
E como a Sabrina é lindinhaa
*_*
Vai ser muito divertido acompanhar as histórias dela com Olívia junto. Vão causar!
Bjos!

Anônimo disse...

Ai que fofo esse bilhete, ela pode vir pra casa da titia também, a qualquer dia, qualquer hora, sempre. Linda da Tia Dri

Lala disse...

Fico imaginando a cara da mãe que acha tal bilhete-sentença. Você não ficou dividida entre rir e amassar a pequena, dizendo entre os dentes "Fooofaaa!"?

Mas até os 18, tem muito bilhete ainda por aí. Fique feliz enquanto ela vai pra casa da Vovó. Tem filho de amiga minha, com QUINZE ANOS, deixando bilhete "vou ficar na casa da fulana". Affe.

A Sócia da Light disse...

Hahaha! Lala! Eu amasso a pobre bastante, viu... Mesmo quando ela quer se livrar de mim. E eu sei que os bilhetes tendem a ficar menos engraçados - por isso aproveito agora, que ela quer ir pra casa da Vó, e não pro Peru e mochila no Trem da Morte. :-S

Dri, nem oferece, que você mora mais perto ainda... e tem piscina no seu prédio, eu não poderia competir. ;-]

Se com uma já é assim, gente, o que será de mim quando forem DUAS fazendo time, hein? Ui...

Lady Sith disse...

Eu cairia na gargalhada (depois de me certificar se a pequena não tinha saído de verdade sem eu perceber, vai saber, né?). :D

Nanael Soubaim disse...

Então a moçoila quer as prerrogativas da emancipação? Mostre-lhe os ônus, nesse meio tempo, para que ela não quebre a cara em mais pedaços do que o necessário, quando for alçar vôos próprios.

Nem direi o que eu faria no teu lugar.

bia disse...

Humm, vou ligar pra Sá e oferecer uma certa casinha na Pompeia... Tem até um gatinho pra fazer companhia. Mas depois eu te devolvo ela, tá? beijo, bia

Nanael Soubaim disse...

Mamma, veja se esta lhe serve: http://www.flickr.com/photos/11156644@N04/4769556624/

A Sócia da Light disse...

Ah, Tia Bia, não oferece muito que você sabe como ela é! Depois vai ter que colocar no carro e soltar bem longe, pra ela nunca mais encontrar o caminho. Rss!!

N., eu não sei bem para que me serviria a Rural... mas é linda, eu ia adorar anyway. :-]

Lady, acredite, eu caí muito na gargalhada. É um dos itens que vai pra caixa de recordações da Sasá, pra me fazer rir sempre, aliás!

. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Daniele disse...

Ah! fiquei com vontade de dar um abraço bem abraçoso na Sazita (ó a intimidade), que sapeca! 18? Já tô vendo cê chorando, implorando "Não se vá!" Olha que 13 anos voam. ;)

Moniquinha disse...

Putz!!!!

mas já?que precoce e justo na casa da vó,esperta!!

qto a sua dupla,prepare-se,pois Olívia,além de aprender com a Sasá,já nasce com as artes dela própria,só p/te prevenir..rs