quinta-feira, 22 de abril de 2010

Home alone

Outro dia eu estava assistindo a um desses seriadinhos bem bestas e achei muito engraçado o fato de a menina decidir curtir uma noite sozinha em casa, lavando roupa e pedindo comida indiana, e 20 chatos aparecerem pra lhe estragar o mundano programa (ok, eu vejo reprise de "Gilmore Girls", podem tirar o sarro agora). É que eu, como a menina, fico incrivelmente bem sozinha - até diria que adoro - mas... como é difícil estar só e bem hoje em dia, não?

Primeiro que, quando a gente diz que fica sozinho e feliz, a maioria já estranha. Devem achar que é sintoma de depressão, sei lá. Eu não acho, não. Sou crente fiel daquele poeta que mencionou "silence is golden", sabem? Não sei se é o fato dessa casa aqui ser tão animada, com a pequena Sabrina reinando por todo lado e o Dono da Casa sempre circulando feito um metrô, mas eu me deleito com a quietude e a solidão.

Além disso, eu sou capaz de dar 10 motivos pelos quais ficar sozinho é sempre bom:

1. A gente pode comer qualquer barbaridade, como cheetos mergulhado no catchup, que ninguém ficará fazendo cara de nojinho e dizendo "creeeedoooo".

2. A gente pode se espalhar como nunca no sofá, de perna aberta, pés na mesa ou sem calça sem medo de ferir umas dez leis dos bons modos.

3. Dá pra conversar sozinho, falando alto tudo aquilo que ficou guardado, ou mesmo criticar o entrevistado da TV, tecendo comentários chulos sobre sua pessoa, seu comportamento ou sua camisa feia. E ninguém te chamará de doido de pedra.

4. É possível deixar a louça suja na pia, os sapatos jogados e a toalha molhada na cadeira - o que é um alívio pra alguém como eu, que vê a desarrumação como uma presença quase-humana.

5. A gente pode dublar Mika na sala de estar sem dever explicações sobre aquela performance.

6. É permitido ler em total paz de espírito, se embrenhando nas palavras e situações, rindo ou chorando, sem parar por nada.

7. É permitido exercitar seus hobbies prediletos, mesmo eles sendo tão esquisitos para os outros. E tome praticar taxidermia!

8. Dá pra tirar soneca fora de hora, no meio da tarde, e aproveitar o sono mais gostoso do planeta sem precisar ouvir nêgo te chamar de vagabundo.

9. É finalmente possível tingir o cabelo, descolorir os pelos da perna ou depilar a sobrancelha sem ser visto (o que é bem providencial, porque não é interessante ser notado quando se está parecendo o monstro da lagoa negra on drugs).

10. A gente pode assistir as piores desgraças na televisão sem comprometer a reputação. Quem segue "Keeping Up with the Kardashians", hein? Eu também não, lógico... (Só quando estou sozinha).


Ah, que instrutiva é a minha solidão!

15 comentários:

Monique disse...

Hahahahaha! Muito verdade, Flávia. As pessoas ficam questionando os hábitos e os modos de se divertir alheios. Moro em república/pensão e adoro quando sai todo mundo e eu posso fazer o que eu quero. Pena que eu não tenho tempo pra eu fazer o que quero, então só acabo curtindo o silêncio pra trabalhar mesmo.

E Gilmore Girls manda. =P

Fabiana disse...

Olha Flávia, de tudo isso só não curto Gilmore Girls (ninguém, na vida real, fala daquele jeito), tirando isso, parece que você psicografou o que eu faço quando estou home alone. E eu também não acompanho as Kardashians, nem a Kendra, nada disso...

A Sócia da Light disse...

hahaha! Fabi safada, até parece! Sabe o nome de todas as porcarias, claro que você consome! E você é amiga da Cris, que é minha gêmea de assistir besteiras, logo... somos todas do mesmo time. ;-]

Mnq, eu já morei com colegas e lembro muito dessa sensação "estamos todos juntos o tempo todo, por favor, me paguem um hotel?". Mas quando todos saem, nas raras vezes... que delícia, né? Dominar o controle remoto e a própria sorte é tudo na vida. (GGirls manda - ainda). :-**

mihuda disse...

Acho que mais do que nunca [faustão mode off] hoje em dia é realmente difícil ficar sozinho. porque além do mundo estar cada dia mais populoso, tem sempre um telefone/celular, computador por perto e apesar de adorar falar com os outros, também adorooo ficar sozinha. Pra falar comigo mesma não preciso estar oficialmente sozinha, na verdade acho que as pessoas que passam por mim quando estou andando na rua devem me achar louca de pedra. não me contenho!
também adoro assistir séries "trash", o povo de casa me zoa muito quando vejo Dr. Phil, mas fazer o que? Me mato de rir com "o psicólogo das estrelas"! Adoro andar de toalha pela casa, mas mais que tudo, amo ficar ouvindo música alta e gravar (o audio) eu cantando tudo errado!

Nanael Soubaim disse...

Também aprecio assaz um momento de solidão, que é cada vez mais raro e menos solitário, mas por motivos bastante diferentes dos teus.

Gabi Petrucci disse...

Adoooro ficar sozinha em casa. Posso ficar quieta no meu canto sem ninguém me chamando a todo instante.

Dri_ disse...

Aaaaaaammmmooo sentir o silêncio da minha casa! Poder se esparramar no sofá e quase queimar (!!!) o controle de tanto alternar canais... ai, é bom demais!
E quem tem criança que ocupa todos os espaços da casa, acho que dá mais valor ainda!

Josy disse...

Kkkk...
já tive esta experiência esse ano.
Atualizei 1ano em 3dias assistindo ao E!. rsss...

cristianecrepaldi disse...

Mais um texto com o qual eu concordo com cada vírgula. Como eu adoro ficar sozinha em casa e fazer tudo o que der vontade. E sobre programas toscos na TV, não faz nem cinco minutos que eu estava conversando com o João sobre ele trabalhar no sábado na transmissão do Miss São Paulo e eu disse que a Flávia, minha companheira de programas sem sentido do E!,adoraria essa notícia.

Taciana disse...

O melhor de ficar sozinha é poder 'conversar' com a TV sem sermos chamados de doidos - eu gosto de expressar minha opinião, sabe =P
Ultimamente tenho visto no canal LIV só reprise: Dawson e Charmed. Mas só quando estou só..rsrs.

E concordo com a Mon: Gilmore Girls é o que há!

(ps. nao sei se vai sair duplicado. se sair, desculpa, tá Flá)

Clá disse...

bah saudades destas listas...


e que nai faz tudo9 isso quando ta sizunho que atire a primeira pedra...


e AMO GILMORE!!!

Paula Baltazar disse...

Vou imitar a Cris e dizer que concordo com cada vírgula.
É muito raro estar sozinha por aqui, então quando consigo também valorizo cada minuto! Ter a tv só prá mim é um evento que acontece a cada vez que Plutão passa pela casa-sei-lá-o-que do meu mapa astral, isso sem falar em poder arrumar meu quarto, organizar meus DVDs ou estudar tranquila, tudo isso ouvindo minhas músicas favoritas. Ai, ai...

E também acho que GG manda, tanto que arrematei todas as temporada a preço de banana em uma locadora que estava fechando. :-p

A Sócia da Light disse...

Cris, diz pro João que eu estarei vendo - e torcendo pra Miss Santana de Parnaíba (se ela não for muito chucra, claro, porque eu só vi por foto...). :-)

Lady Sith disse...

Ficar sozinha é uma das melhores coisas da vida. Não entendo quem tem necessidade de estar cercado por pessoas o tempo todo e se penduram no telefone ou topam qualquer programa de índio para não ter que ficar sozinhas.
Amo quando não tem ninguém em casa. Normalmente compro um pacotão de cheetos, uma garrafa de coca light e passo o dia na frente da TV. Ou aproveito para estudar. Ou então arrumar o armário ouvindo Brian Adams (vergonha!). É tão bom...

E Flá, nunca tiraria sarro de você por ver reprises de Gilmore Girls. Tenho todas as temporadas. Inclusive, este sábado fiquei sozinha em casa, e adivinha o que assisti? ;)

Dark disse...

Ficar sozinho que benção, pra evitar que a minha paz seja interrompida dei um fim no meu celular, assim desfruto sem problemas.