quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Na minha casa mando eu!

Era assim que os nossos pais finalizavam qualquer polêmica da rotina caseira, lembram? Bom, era assim que o MEU pai finalizava a coisa quase sempre. Debaixo daquele teto familiar, não tinha muito espaço para desenvolver uma longa argumentação libertária - era a casa do homem mesmo, eu ia dizer o quê?

Lá se vão mais de 30 anos desde a minha infância, e o esquema mudou um pouco de figura. Aqui na minha casa, um apê aconchegante e simpático de bairro paulistano moderninho, mando eu; manda também o Dono da Casa (principalmente com relação às plantas, os consertos elétricos e as férias); manda a Sabrina, que do alto de seus 4 anos sabe se espalhar muito bem. Às vezes também manda a companhia de luz, que corta a energia durante o temporal; Manda o dono do Fusca, que deixa o alarme urrando enquanto a gente preferia dormir; Manda o som do vizinho, modulado para parecer uma fanfarra do mal.

Manda quem pode, obedece quem tem juízo. E escuta (ou lê) quem tem vontade. Pois então, se você gosta de ouvir falar do cotidiano normal da vida, desses laços de família, de ser mãe, ser filho(a), ser irmão, ser parente enfim, pagar contas, limpar a geladeira, disputar o controle da TV, separar roupa branca de colorida, fazer sopa, torta e pastel, organizar a mochila da escola, lembrar do passado e planejar o futuro, vem visitar sempre essa casa de família aqui, tá bem?

Arruma um lugar pra sentar e não repara a bagunça. Aceita um cafezinho?

15 comentários:

mihuda disse...

Não sou nem um pouco fã de café, mas já que foi você quem ofereceu aceito com muito gosto!

Dark disse...

Aceito o café e me tira uma dúvida é Ronnie Von no postêr atrás da tevê?

Flá disse...

É o Ronnie Von, menino, cê acredita? Preciso me entender rapidinho com as questões técnicas e informar pra blogosfera que a ilustra é By Hemeterio! Ele mere-cê!

Mymi disse...

Opa, eu quero um pedaço daquele bolo ali.

Muta disse...

mto legal flá! :o)

Flá disse...

Voltem sempre, viu, gente? O bolo ainda é virtual, mas se o blog resistir ao tempo, a gente faz um bolo real pra comemorar... sei lá, 1 ano de vida? Porra, vai começar tudo de novo, já tô vendo... rs!!

Patty Maionese disse...

Adorei o nome, adorei! E adorei principalmente a ideia de voltar a 'te ler', Flávia!

Grace Simpson disse...

Mto bom poder acompanhar suas histórias de volta Flá!

Audrey disse...

Amei o poster do Ronie!
Amei saber que vc esta de volta Fla!

Tacy disse...

Nem acredito que teremos seus textos por aqui novamente, Flá. Já estava com saudades de saber um pouco da sua vida e da Sabrina.

Aceito o café - sou viciada nisso. =)

Flá disse...

Eu é que estava com saudades máximas de ter um canto pra escrever pra vocês! A leitura é minha paga - a melhor de todas!
:-]

Bem-vindos, queridões!

Anônimo disse...

Nossa,eu vivo dizendo que em casa ,manda eu.ahaha
Mas tb,a molecada ta crescendo e preciso manter o controle, se nao ja elvis.

Fla,estava com saudades das fofurices da Sasa e ler voce contando o meu cotidiano,sim,eu me identifico com os causos,rs

A,o bolo de cenoura e por minha conta,ta?
Bjos Moniquinha

Dri Lacerda disse...

Ô gente! É com o coração peludo que eu entro aqui!!!

Delícia ler vc de novo!

Dri Lacerda.

Dani disse...

Que legal! Flá que saudade de te ler e ainda tem participação especial da Clara, só falta a Vivi. Adorei, não li todo, só alguns posts mas vou arrumar tempo pra ler tudinho, aproveitando q tá no começo. Quanta saudade! Não nos deixe mais! :D (Quase ñ é dramática.) Muitos beijos e muitas linhas!
Dani

Moni disse...

Ya estoy al día!
Quiero más!