segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

O respeito já morreu

Sabrina não é mais aquele bebê inocente. Já sabe muito bem desancar seus pais e colocá-los naquela pose de queixo caído e indecisão entre rir muito ou se emputecer.

Sócia da Light na cozinha, colocando uns pares de legumes no liquidificador e malhando as lâminas pra tudo ficar moído:

- Mãe! Mãããe!!! Pode desligar isso, que eu estou vendo um filme e esse barulho é miserável...?
(Toda uma pronúncia de professora de português incluída.)

* * *


Dono da Casa organizando suas coisas espalhadas e Sabrina orbitando:

- Pai, esse seu relógio é lindo.
- Obrigado, Sá. Agora põe o relógio de volta na mesa que eu acabei de comprar. E nem paguei tudo.
- Então... você é bandido, pai.

O respeito, se já não morreu, está bem moribundo.

9 comentários:

Nanael Soubaim disse...

Melhor corrigir isto agora, ela ainda não tem noção do alcance do que disse, mas não se deve perder a cabecinha privilegiada da Sabrina para o mau caminho.

Spaf disse...

Ahahahahahaha o Thales já tá ficando assim também!

A Sócia da Light disse...

Imagina, Nanael, que exagero! Isso tudo são coisas que ela diz de pura graça... A Sabrina pode ser tudo, menos desrespeitosa, viu? E eu saberia, visto que eu tenho real horror de criança que se acha adulta e fala barbaridades pros pais.

Eu brinco porque sei que não preciso levar a sério, dado o jeito tão doce da pequena. Acredite, ela fala coisas fofas a maior parte do tempo. Daí ser tão engraçado quando ela dá essas bicas no balde. ;-]

Spaf, dá um apertão e duas beijocas no Thales por mim? Brigada. rs!

Dri_ disse...

Realmente o difícil é segurar o riso nessas horas.

Quando a gente conta umas coisas assim parece até invenção, né?

Posso falar do meu?

_ Atende logo o telefone que tá me incomodando?

Para depois me dizer:

_ Você é uma bailarina linda.

A Sócia da Light disse...

Hahahaha! Que excelente, Dri...

A Sabrina é cheia de me dizer essas coisas também. A última foi quando ela me viu maldizer o cabelo, que estava uma piada. E ela: "mas mãe, você é bonita do jeito que você é".

:'-]

Nanael Soubaim disse...

Então eu é que estou ficando um velho ranzinza, ranheta e rabugento... Até já uso o guarda-chuva como bengala, mas por estilo, não necessidade.

Marina disse...

hahahaha
mto bom!!! acompanho a Sabrina desde os primeiros posts no Garotas. sempre espirituosa...:)

tenho uma história meio assim tb. quando eu comecei a usar óculos (faz tempo!!), uma priminha minha que tinha uns 6 anos chegou pra mim e disse: "nossa, Má...pena que na loja que vc foi comprar o óculos só tinha esse, né?". Eu fiquei super chateada...claro que odiava ser uma adolescente quatro olhos (hoje, adoro). Minutos depois ela veio dizer: "O que eu preciso fazer pra ter um cabelo igual ao seu?".
hahahaha
não tem como emputecer (achei que só minha mãe falasse isso!! hahaha)...caí na risada e disse: "Tem que comprar um óculos igual a esse!". Ela logo desistiu...

mihuda disse...

Ai ai, essa menina é levada da breca (é assim que escreve!). Linguinha afiada com coração de ouro, só podia dar nisto!!! Hahaha

Gabi Petrucci disse...

Ah que saudade que eu estava das Sabrinices! *-*