sexta-feira, 5 de março de 2010

A ironia nossa de cada dia

Eu e o Dono da Casa, enquanto casal casado, até que brigamos pouco (hoje em dia...). Já passamos fases de latir um para o outro por todo e qualquer esbarrão e fases piores ainda, de arrumar encrenca só pra ter assunto. Bom, é justo dizer: isso sempre partiu mais de mim. Quem mandou ele casar com uma mala? E quem mandou eu casar com um sujeito zen desses?

O Dono da Casa aceita a grande maioria das minhas chatices e manias - o que eu reconheço e me move a querer ser menos troublemaker. Tirá-lo do sério é quase impossível, um horror... Mas todo mundo tem seus botões certeiros que, ao serem acionados, causam irritação instantânea, né? Bom: no caso do Dono da Casa, esse botão é o da ironia.

Para complicar o caso, eu sou bem dada à ironia na hora de fazer graça. Pra complicar mais ainda, o Dono da Casa tem algo insuportável sobre sua doce personalidade: ele pergunta tudo. E como se combate gente perguntadeira? Com ironia, ué!

O cara parece mesmo pedir por isso. Está guardando a louça, ele pergunta: "onde ponho os copos?". Vai tomar banho, quer saber: "onde pego um sabonete novo?". Está na hora de vestir a criança pra dormir: "onde fica o pijama da Sabrina?". Vejam: ele MORA aqui! Se eu sei tudo isso, como ele pode não saber? E aí, fica quase incontrolável de responder "ah, os copos eu estou guardando na máquina de lavar roupa" ou "veja se o pijama não está ali no pote com as cinzas do meu avô...".

Mas o que pra mim parece uma resposta ácida-engraçadinha, suscita no Dono da Casa uma súbita vontade de me picar em cubos e congelar. Semana passada, quando ele quis saber "o sorvete eu ponho no freezer?" e eu disse "não, coloca no porta-malas do carro", rolou um stress e eu fui chamada de mal-educada. O que não é de todo mentira.

Eu me defendo, porém, dizendo que é melhor ser meio grosseirinha assim do que reclamar "ai, mas você pergunta tudo!" e começar uma DR sem fim sobre o mau hábito de questionar sem pensar antes, só por mania. No fundo, eu acho mesmo é que o Dono da Casa gosta da brincadeira. Não fosse assim, ele não viria segunda-feira sim, segunda-feira também, com a famigerada questão "Flá, você vai ficar por aqui essa semana?".

Eu sei que ele só quer saber sobre meu volume de trabalho; mas ele sabe também que eu responderei, como sempre, "não, essa semana eu vou pra Fiji mergulhar" ou "não, mas se precisar você pode ligar no meu apartamento em Roma, que eu estarei lá" (variando criativamente os lugares, a coisa fica ainda melhor).

Só espero que essa questão não acabe causando nosso divórcio. Eu não poderia ser feliz com nenhum outro pentelho perguntador e sem exercitar minha chatíssima verve para a ironia. E até quando ele viesse com "vamos contratar advogados para o processo?", eu seria obrigada a dizer "não, vamos contratar adestradores de urso...".

12 comentários:

Spaf disse...

Ironia ruleia!
Em casa quem sofre com isso é minha madrasta. Além do meu pai, eu herdei o gene da ironia também.


E que raio de verificação de palavras é essa? "dozortal"??
Parece até mensagem subliminar de farmácia!

mihuda disse...

Não sou ácida o bastante para brincar de ironia. Acho que preciso de um curso para me soltar mais. Só brinco quando estou vendo televisão e o nível de "brutalidade" está alto. Uma atitude meio covarde, porque sei que a tv não vai responder! Hahaha.

A minha palavra é "suadi"! Coloca um S no fim, e parece coisa do Mussum, algo como: Gentis to muito suadis!

Menina-que-quer-ser-escritora disse...

Até chorei de rir!!!!!!!
Se vc vai estar aí durante a semana foi a melhor!!!!!!!!!
Vc é mto educada!
Acho q eu seria grossa e mandaria tomar...
Passa o contato da escola da Sabrina, ou passa o contato do Caio para a escola, o q vc preferir.

Menina-que-quer-ser-escritora disse...

Muito melhor mesmo esta historia da ironia!
Uma amiga grávida de quase 6 meses, mudou de casa agora e eles estavam guardando as coisas no armário. Então ela pediu para que ele guardasse os travesseiros no alto. E a resposta-pergunta-infeliz do marido foi: pq eu??? Resultado: Mega-master-blaster DR!!!
Uma resposta ironica evitaria o estress, ou ao menos adiaria a DR! =D

Nanael Soubaim disse...

Respostas cretinas para perguntas imbecis, pode mandar teu curriculum à MAD. Onde é que ele vai encontrar uma encrenqueira no teu naipe? Homens sensatos costumam amar encrenqueiras de fino trato, e obedecê-las também.

Spaf, Dozortal me parece mais medicamento para esclerose.

Gabi Petrucci disse...

Ah, meu pai é igualzinho ao Dono da Casa.
Outro dia falei pra ele que ele parecia os Tontópodes, de Nárnia. Mas parece que ele ficou feliz com o título.
"Gabi, você viu aquele cara? Tem uma orelha de cada lado... :O"
Adoro ironias! Adoro, adoro, adoro!

Beeijos, Flá!

Mônica Vidal disse...

Quando eu repondo assim pro maridon ele tb me chama de grossa, mas o que vc responderia pra uma pessoa que pergunta coisas do tipo " é pra jogar a fralda (suja) no lixo?"...tem gente que pede, né?!

Bjs

Beolina disse...

Eu tenho um trato com o namoradim pra não usarmos de tiradas irônicas quando estivermos brigando de verdade. Sei lá, acho que se começa a descambar demais pra ironia e pro sarcasmo, pra chegar no desprezo é um pulo. Pra deixar de existir DR (pq não vai ter mais relação) é um pulo menor ainda.
Por esse motivo eu, que sou bem chegada numa ironia, evito ser assim quando não estamos brigando, pra não dar motivo, sabe? (porque você pode e eu não?) Mas às vezes eu não resisto e tudo que ele faz é responder com um "Tão enjoada..." enquanto passa a mão na minha cabeça.
É, acho que eles gostam que a gente seja assim =P

Josy disse...

kkkk... me vi neste texto.
Ontem mesmo teve DR por causa de ironia.
Sou adepta do "pergunta idiota, tolerância zero.
Use com moderação ou tenha consequências catastróficas."
rsss...

beatriz disse...

Pra variar as respostas, você pode apelar para uma linha mais construtivista. Quando ele perguntar, por exemplo, "onde ponho os copos?", você pode dizer "onde você acha que eles deveriam ficar? vamos tentar pensar juntos uma solução, querido?".
Ele vai se sentir superintegrado e superfeliz por estar construindo seus próprios conhecimentos!

bj

Jaspião disse...

Mas que vc anda muito irônica... isso anda.

Dri_ disse...

adorei o comentário aqui de cima rsrs